Fechar Fechar
Relais & Chateaux é uma coleção exclusiva dos 500 melhores hotéis de luxo e restaurantes gourmet em 60 países.
Das vinhas de Napa Valley até as praias de Bali, as oliveiras na Provence até as reservas da África do Sul, Relais & Châteaux reúne as paisagens mais bonitas da viagem para descobrir todas as regiões de cada país.
Fechar Fechar
A arte de dar Relais & Châteaux com nossos pacotes e certificados de presente CRÉATION. Para um fim de semana encantador em um ambiente excepcional, uma vida fora do mundo, ou um jantar gourmet à mesa de um dos nossos grandes chefs, mais de 300 casas Relais & Chateaux bem-vindos aqueles que você selecionado para preencher, para uma experiência inesquecível.

Beneficiário de um presente CRÉATION? Beneficiário de um passe LYS?

Fechar Fechar
Descubra uma turnê mundial da coleção da Relais & Chateaux. Seja qual for a ocasião, independentemente da duração da sua estadia, cada instituição vai oferecer o melhor de sua cultura e seu terroir.
Nosso canal de televisão
Veja os nossos vídeos temáticos
 
 
Fechar Fechar
Viver uma experiência Relais & Châteaux é experimentar novas sensações. Cada uma das nossas instalações oferece para explorar uma paleta sensorial única, onde a beleza de um lugar, o calor da acolhida e da qualidade de uma tabela são combinados à perfeição. Fragrâncias e sabores, cores e paisagens tornam cada estadia um momento raro e intenso
Fechar Fechar
Descubra a excelência da gastronomia oferecida em nossas instituições: Clássico ou contemporâneo, é sempre inventivo e surpreendente. Criatividade comemorado em todo o mundo, como nossos grandes Chefs estão entre a elite da gastronomia mundial.

Bretanha

Dê minhas lembranças à...

Escritório da Central de Reservas (Estados Unidos da América)

1 800 735 2478

Indique o código : ROELLINGER

Ligando de um outro país? Clique aqui

BMW

Parceiro oficial das Routes du Bonheur

Descobrir
as Rotas
du Bonheur de...

Olivier Roellinger
ver todas as Routes du Bonheur

Proprietário das Maisons de Bricourt
O Sentier des Douaniers forma um circuito ininterrupto em torno da Bretanha. Junte-se a mim nessa viagem única, repleta de sal e de sabores.

Eu nasci nessa casa de corsário onde cozinhei mais tarde por quase trinta anos. Hoje, ela é um hotel aconchegante e refinado e um ateliê de especiarias, no qual criamos nossos próprios pós e misturas. Para escutar o mar, nunca precisei colocar uma concha no ouvido, bastava descer a pequena rua da frente de casa, pois aqui aprendemos a remar antes mesmo de andar de bicicleta. Quando criança, tive inclusive a oportunidade de brincar num celeiro onde o próprio Robert Surcouf brincava quando menino. A alguns metros da nossa porta passa o Sentier des Douaniers, esse caminho que conta a história do país de Gália ao Bigouden e que traduz todos os sofrimentos e todas as alegrias desse povo. Agora cabe a você descobri-los...

Para inspirar o viajante, Relais & Châteaux propõe suas Routes du Bonheur: sugestões de itinerários que você poderá adaptar conforme seus interesses e experiências desejadas. Nossos consultores estão a sua disposição para personalizar o seu roteiro e auxiliar suas reservas em nossos estabelecimentos.
Exemplo para uma estadia de 5 noites a partir de 1165€*
* Preço mínimo estimado por pessoa, sujeito à disponibilidade, com base em um quarto duplo ocupado por duas pessoas, incluindo hospedagem, café da manhã e jantar (com base em um menu, sem bebidas inclusas) nos estabelecimentos sugeridos no itinerário.
A reserva de atividades no local e nas proximidades é de responsabilidade do cliente.

Minha Rota du Bonheur
Primeira etapa: 1 noite, 2 dias

Les Maisons de Bricourt

As especiarias e o Mar
Les Maisons de Bricourt
Bricourt é ao mesmo tempo uma grande vila dos anos vinte, com vista sobre a baía do monte Saint-Michel e um restaurante e ateliê no qual se cultiva a simplicidade e especiarias do mundo todo. ? também uma casa pequenina que fica para os lados dos criadouros de ostras e de chalés que testemunham o nosso desejo de recebê-lo, no intuito de compartilhar esses ares bretões diferentes de todos os outros no mundo.

Perto da propriedade...

As ostras de Annick Prod’Homme

Conheci Annick quando criança, nós crescemos juntos. Ela se tornou, naturalmente, a ostreicultora da Maison. É preciso dizer que ela vem de uma família de ostreicultores, uma tradição transmitida de geração em geração. Annick é uma verdadeira nativa de Cancalais, uma mulher de personalidade forte e marcante, cujo trabalho é notável. Suas ostras, que podemos comprar no Vauhariot, são absolutamente deliciosas. Minhas preferidas? As ostras planas selvagens de Cancale, a trufa do mar!

Conhecer a bisquine (barco de pesca bretão) Cancalaise

Também conhecido como a "Viúva negra", esta é uma réplica de um navio, cujo padrinho era o grande Éric Tabarly. O navio, com diversas velas e muito potente, era usado antigamente para dragagem de ostras selvagens. Um barco de pesca entre os mais rápidos do continente, capaz de ir até o Solent, na Inglaterra, para desafiar os velejadores. Restam apenas dois exemplares: um em Cancale, La Cancalaise, e outro em frente, La Granvillaise. Mas durante as regatas, muitas vezes é o nosso barco que ganha...

Na rota...

A praia de La Touesse

Foi nessa praia maravilhosa que eu aprendi a nadar. Ela tem tudo: uma ressaca única das ondas, uma trilha sonora incrível e perfumes inebriantes que o vento traz do mar. Para chegar, descemos sem nunca ver a praia. Primeiro, sentimos o cheiro do mar, depois o escutamos, e por fim o vemos. A praia surge então como a porta de uma catedral; ela é de uma beleza inacreditável. Também é aqui, em Rozven, que se encontra a casa de Colette, onde ela escreveu Le blé en herbe em 1923.

Podemos aconselhá-lo na reserva de sua rota. Contate sua Central de Reservas :

1 800 735 2478

Indique o código : ROELLINGER

Ligando de um outro país? Clique aqui

Revenir en haut de page
Segunda etapa: 1 dia, 1 noite

Manoir de Lan-Kerellec

A magia da Bretanha
Manoir de Lan-Kerellec
Gilles e Luce Daubé são amigos muito estimados. Sua nobre casa inteiramente em granito é um ambiente familiar com uma hospitalidade admirável. Gosto de me instalar em seu restaurante, aconchegante e arborizado, com vista para o mar e um pôr do sol entre os mais belos do mundo. Há tanta doçura nesse lugar que anuncia a costa de granito rosa...

Perto da propriedade...

Passear pela Ilha Milliau

Milliau é uma pequena ilha que parece flutuar a poucos passos de Trébeurden. Podemos acessá-la na maré baixa pela Passage du Gois (atenção às marés!), um passeio que eu particularmente adoro. Gosto desse granito rosa e desses lugares onde nos deparamos com uma dimensão quase druídica, cheia de forças telúricas. Com um pouco de sorte, você encontrará na ilha algumas orquídeas selvagens.

Na rota...

Morlaix e suas casas de enxaimel

Morlaix é a única cidade bretã onde ainda encontramos essas casas de enxaimel construídas no século XVI pelos ricos comerciantes e negociantes de linho. Situada no numero 9 da Grand rue, a Maison à Pondalez é um testemunho raro da idade de ouro da cidade com sua fachada de sacada para a rua.

O calvário de Saint-Thégonnec

A alguns quilômetros de Morlaix, esqueça por um momento o caminho de Douaniers para descobrir o magnífico adro paroquial de Saint-Thégonnec. Construído em 1610, seu admirável calvário ilustra a Paixão e a Ressurreição de Cristo. Ele foi esculpido graças às doações dos moradores que ganhavam fortunas com a criação de cavalos e a fabricação de tecidos.

Podemos aconselhá-lo na reserva de sua rota. Contate sua Central de Reservas :

1 800 735 2478

Indique o código : ROELLINGER

Ligando de um outro país? Clique aqui

Revenir en haut de page
Terceira etapa: 1 dia, 1 noite

Hôtel Brittany

A Bretanha dos piratas, areias brancas e a cebola rosa
Hôtel Brittany
Esta antiga casa de negociantes, propriedade da família Chapalain, parece uma fortaleza. Roscoff foi durante muito tempo um país de corsários, um lugar onde se reuniam os contrabandistas. No entanto, esta esplêndida residência do século XVII não é daqui... e sim de Morbihan. Ela foi deslocada e reconstruída pedra por pedra em 1974 em frente à ilha de Batz, para a grande alegria daqueles que amam hotéis aconchegantes e refinados no departamento de Finistère.

Na rota...

O Aber Wrac’h e o Aber Benoit

Você não precisa ir aos fiordes escandinavos, sua aventura começa aqui! Tenho inúmeras lembranças de viagens de barco pelos profundos estuários bretões. Já tive muitas vezes que arrastar minha âncora nestes lugares nem sempre fáceis, mas tão apaixonantes e selvagens. Vim diversas vezes ao estuário me proteger dos ventos nórdicos e aqui também passei alguns sustos. É o preço que se paga pela beleza.

O caminho de Douaniers… uma noite de lua cheia

Andar pelo caminho de Douaniers por uma noite de lua cheia é, talvez, uma das experiências mais fascinantes que existe. Há, por um lado, a lua brilhando sobre o mar; por outro, a onda que bate nas rochas criando fenômenos ao mesmo tempo fluorescentes e estranhos. Compreendemos então essa terra de lendas e fadas e descobrimos a luz negra, o verdadeiro negro, o negro de Soulages, que lembra o negro da melhor baunilha do mundo.

O farol do Créac’h

Sou muito amigo dos últimos guardiões do farol do Créac’h, na ilha de Ouessant. Com Molène e Sein, Ouessant é o último pedaço de terra antes da extensão do Atlântico. Seus faróis são os mais importantes. É preciso lembrar que seus guardiões foram, por muito tempo, os únicos homens que restavam nesta terra, pois todos os outros haviam embarcado na marinha nacional, na marinha mercantil, na pesca costeira ou em mar aberto. Pois aqui, para se ter sucesso, é necessário partir.

Podemos aconselhá-lo na reserva de sua rota. Contate sua Central de Reservas :

1 800 735 2478

Indique o código : ROELLINGER

Ligando de um outro país? Clique aqui

Revenir en haut de page
Quarta etapa: 1 dia, 1 noite

Hôtel de la Plage

Tranquilidade absoluta ...
Hôtel de la Plage
Este estabelecimento magnífico evoca, antes de mais nada, o fervor da peregrinação do Tro Breiz. A capela acima do hotel sempre atrai essa jornada pelo maior Perdão da Bretanha. Aqui também encontramos a mais bela coleção mundial de Mathurin Méheut, este pintor que tanto marcou nossa região. A avó de Jean Milliau, atual proprietário, comprou o hotel em 1924. ? sempre em sua porta, em frente à praia deserta, que acaba a jornada. Como num sonho.

Perto da propriedade...

O porto de Audierne

Audierne é um dos quinze portos bretões a possuir ainda um leilão de peixes, mas não se sabe por quanto tempo mais. Os pescadores são agora uma minoria em comparação à frota de barcos de recreio. No entanto, uns vinte barcos ainda praticam aqui um dos tipos mais belos e perigosos de pesca.

Na rota...

A Boutique de Pont Aven

Esta é provavelmente a mais bela loja bretã que eu conheço. Administrada pelos Péron, uma antiga família de fabricantes de biscoitos, encontramos aqui os mais belos produtos da Bretanha. Suas delicadas galettes (cuja receita foi transmitida através de três gerações), seus chocolates, geleias e caldas bretãs são simplesmente deliciosos. É aqui, inclusive, na praça Gauguin de Pont-Aven, que compro minhas "sardinhas de pé..."

O caminho, um herbário gigantesco

O caminho de Douaniers é um herbário gigantesco: silenes, azeda selvagem, pimpinela, funchos selvagens, anis, salicórnias, obiones, espinafres do mar. Encontramos aqui todos os aromas e sabores. À beira-mar também podemos colher algas, o Pórfiro à la Dulse e o alface do mar. Esse jardim marinho é de uma riqueza extraordinária, mas continua desconhecido do grande público...

Podemos aconselhá-lo na reserva de sua rota. Contate sua Central de Reservas :

1 800 735 2478

Indique o código : ROELLINGER

Ligando de um outro país? Clique aqui

Revenir en haut de page
Quinta etapa: 1 dia, 1 noite

Château de Locguénolé

Viver no ritmo das marés
Château de Locguénolé
? um desses grandes lugares na Bretanha pelos quais sou completamente apaixonado. Propriedade da mesma família há mais de dois séculos, foi transmitida apenas pelas mulheres. O estabelecimento é hoje administrado por Bruno de la Sablière, um homem de qualidade e um grande marinheiro. O castelo possui um parque arborizado de 120 hectares e o mais belo jardim de rododendros que eu conheço. E no final, pelo centro mesmo da propriedade, passa o caminho de Douaniers...

Perto da propriedade...

A ilha de Groix

Conhecida pelos bretões como a "ilha da Feiticeira", esta pequena ilha foi durante muito tempo um local proveitoso para os pescadores de atum. A prova: dê uma olhada no topo da torre da igreja de Saint-Tudy e você encontrará um atum e não um galo como cata-vento! A ilha mantém seu lado selvagem e abriga uma reserva natural na ponta noroeste.

O museu da Companhia das Índias

Com suas maquetes de navios, mapas antigos, gravuras e porcelana este museu evoca a história extraordinária das companhias de comércio que desembarcavam suas mercadorias vindas da África ou da Ásia nas docas de Lorient nos séculos XVII e XVIII. A visita ao museu é também uma viagem ao mundo das especiarias, um mundo que aprecio bastante...

Na rota...

Os alinhamentos de Carnac

Quem nunca ouviu falar de Carnac? As três grandes séries de alinhamento de menir são conhecidas no mundo inteiro. Esses megálitos de tamanho relativamente modesto - os mais altos não ultrapassam 4 metros - não desvendaram até hoje todos os seus segredos...

Podemos aconselhá-lo na reserva de sua rota. Contate sua Central de Reservas :

1 800 735 2478

Indique o código : ROELLINGER

Ligando de um outro país? Clique aqui

Textes : © Guides Gallimard