Fechar Fechar
Relais & Chateaux é uma coleção exclusiva dos 500 melhores hotéis de luxo e restaurantes gourmet em 60 países.
Das vinhas de Napa Valley até as praias de Bali, as oliveiras na Provence até as reservas da África do Sul, Relais & Châteaux reúne as paisagens mais bonitas da viagem para descobrir todas as regiões de cada país.
Fechar Fechar
A arte de dar Relais & Châteaux com nossos pacotes e certificados de presente CRÉATION. Para um fim de semana encantador em um ambiente excepcional, uma vida fora do mundo, ou um jantar gourmet à mesa de um dos nossos grandes chefs, mais de 300 casas Relais & Chateaux bem-vindos aqueles que você selecionado para preencher, para uma experiência inesquecível.

Beneficiário de um presente CRÉATION? Beneficiário de um passe LYS?

Fechar Fechar
Descubra uma turnê mundial da coleção da Relais & Chateaux. Seja qual for a ocasião, independentemente da duração da sua estadia, cada instituição vai oferecer o melhor de sua cultura e seu terroir.
Nosso canal de televisão
Veja os nossos vídeos temáticos
 
 
Fechar Fechar
Viver uma experiência Relais & Châteaux é experimentar novas sensações. Cada uma das nossas instalações oferece para explorar uma paleta sensorial única, onde a beleza de um lugar, o calor da acolhida e da qualidade de uma tabela são combinados à perfeição. Fragrâncias e sabores, cores e paisagens tornam cada estadia um momento raro e intenso
Fechar Fechar
Descubra a excelência da gastronomia oferecida em nossas instituições: Clássico ou contemporâneo, é sempre inventivo e surpreendente. Criatividade comemorado em todo o mundo, como nossos grandes Chefs estão entre a elite da gastronomia mundial.

Imprimir esta página Envie esta página para um amigo

Le Petit Nice-Passédat.

Restaurante de um Grand Chef Relais & Châteaux e hotel à beira-mar. França,Marseille

Gérald Passédat

Chef
Le Petit Nice-Passédat Marseille 13007

O meu avô, Germain Passédat, comprou a Villa Corinthe em 1917, que foi logo batizada de Petit Nice. A minha avó, Lucie, cantora de ópera, que se tornou musa de Louis Lumière, transmitiu a meu pai, Jean-Paul, e depois para mim o gosto pelo belo, o sentido do ritmo, o amor pela coisa bem feita.

Após um tempo na escola hoteleira, no Coq Hardi de Bougival, no Bristol, depois no Crillon em Paris, dezoito meses no Troisgros, e enfim um ano com Michel Guérard, eu me juntei ao meu pai em 1984, tomando, pouco a pouco, as rédeas do Petit Nice. Sempre rebelde e entusiasmado.

Eu tinha plena consciência de meu amor pelo Mediterrâneo. A minha abordagem culinária? Eu procurava além o que eu tinha diante dos olhos como uma evidência: peixes esquecidos pescados por lá, não muito longe da costa. Profundezas abissais, alguns legumes amadurecidos na Provence, poucas ervas. O respeito amoroso pelo natural e pela simplicidade do gesto, para oferecer este sentimento delicioso de imersão no Mediterrâneo.


Qual foi a sua maior emoção gastronômica?
Um prato de crustáceos no Chapel com meus pais em 1975.
E, em 1980, o molho de Fleurie de Jean Troisgros, levemente encorpado com enchovas. Uma revelação, pois tais ingredientes nunca tinham sido combinados até então.

O incidente de cozinha mais divertido que você já presenciou?
Em 1983, com toda uma equipe de cozinheiros - Jean-Michel Lorain, Christophe Cussac, Michel Troisgros - eu realizei, ao vivo, em uma grande cadeia de televisão americana, uma sopa de frutos vermelhos caramelizados. Durante a emissão, enquanto eu preparava o caramelo ao vivo, uma chama se elevou a 30 cm de altura! Eu estava concentrado em falar inglês, ao invés de pensar na receita. Depois disso, eu tirei de uma gaveta uma sopa que eu tinha preparado antes. Todo mundo caiu na gargalhada. Uma ótima lembrança!

Seu conselho mais importante para os cozinheiros de fim de semana?
Quando estiver no mercado, siga os seus instintos, e realize os seus desejos em família. Faça de sua cozinha uma festa.

Minhas reservas

amazon.com


Hotel
Data Check-in



Escritório da Central de Reservas (Estados Unidos da América)

1 800 735 2478

Ligando de um outro país? Clique aqui