Fechar Fechar
Relais & Chateaux é uma coleção exclusiva dos 500 melhores hotéis de luxo e restaurantes gourmet em 60 países.
Das vinhas de Napa Valley até as praias de Bali, as oliveiras na Provence até as reservas da África do Sul, Relais & Châteaux reúne as paisagens mais bonitas da viagem para descobrir todas as regiões de cada país.
Fechar Fechar
A arte de dar Relais & Châteaux Lys com nossos pacotes e cheques-presente CRÉATION. Para um fim de semana encantador em um ambiente excepcional, uma vida fora do mundo, ou um jantar gourmet à mesa de um dos nossos grandes chefs, mais de 300 casas Relais & Chateaux bem-vindos aqueles que você selecionado para preencher, para uma experiência inesquecível.
Fechar Fechar
Descubra uma turnê mundial da coleção da Relais & Chateaux. Seja qual for a ocasião, independentemente da duração da sua estadia, cada instituição vai oferecer o melhor de sua cultura e seu terroir.
 
 
Fechar Fechar
Viver uma experiência Relais & Châteaux é experimentar novas sensações. Cada uma das nossas instalações oferece para explorar uma paleta sensorial única, onde a beleza de um lugar, o calor da acolhida e da qualidade de uma tabela são combinados à perfeição. Fragrâncias e sabores, cores e paisagens tornam cada estadia um momento raro e intenso
Fechar Fechar
Descubra a excelência da gastronomia oferecida em nossas instituições: Clássico ou contemporâneo, é sempre inventivo e surpreendente. Criatividade comemorado em todo o mundo, como nossos grandes Chefs estão entre a elite da gastronomia mundial.

Imprimir esta página Envie esta página para um amigo

Le Jardin des Sens.

Restaurante e hotel na cidade. França,Montpellier

Jacques et Laurent Pourcel

Chef
Le Jardin des Sens Montpellier 34000

Nós nascemos em 13 de setembro de 1964, em Agde, no Hérault. Filho e neto de viticultores, nós crescemos à beira do Mediterrâneo. A nossa mãe nos iniciou na cozinha regional, feita de sopa de peixe, lulas recheadas, choco cozido, brandada de bacalhau ou ensopado de tamboril.

Bras, Meneau, Gagnaire, Chapel, Trama foram os nossos mestres em um percurso iniciático que nos abriria as portas da criação culinária. O nosso ofício é uma paixão.

Em 1988, criamos, com o nosso amigo Olivier Château, o Jardin des Sens de Montpellier, que iria obter, em 1998, a terceira estrela no Michelin, coroando uma cozinha mediterrânea criativa e refinada.

O sul nos inspira, a nossa cozinha toca ao mesmo tempo as notas terrestres e marinhas, nos contrastes quente-frio, macio-crocante, salgado-açucarado, doce-amargo.

A partir dos anos 2000, estreamos no cenário internacional. Estamos agora presentes em Banguecoque, Tóquio, Genebra, Marraquexe, Casablanca e Paris, sem esquecer de deixar a nossa marca em Cingapura (o Raffle) e em Xangai, com o primeiro Relais Gourmand na China (Sens in the Bund). Nós praticamos também uma cozinha étnica, com o conceito brasserie da "La Compagnie des Comptoirs" (Montpellier, Béziers, Paris). Estamos presentes também, com os bistrôs de peixes, em Sète e Marseillan, assim como um restaurante na praia de Villeneuve-les-Maguelone.

A nossa vontade de empreender e de inovar vai além da porta dos nossos estabelecimentos. Livros de cozinha, restauração rápida em volta do lanche chique, escola de cozinha, bares...: esse é o nosso campo de atuação.

Nós não somos uma escola, mas gostamos de descobrir e de compartilhar a nossa paixão. Temos o compromisso de apoiar numerosas causas de caridade, o que fazemos o ano inteiro. A defesa do meio ambiente é para nós uma verdadeira tomada de consciência, sobretudo em relação à necessidade de preservar o nosso planeta para transmitir às gerações futuras uma terra limpa e um futuro mais sereno.

Nossa cozinha? A celebração com fervor dos sabores do grande Mediterrâneo. Apaixonados por todos os países que estão na sua costa, a Espanha, a Itália, a Grécia, o Líbano, o Marrocos, a nossa cozinha possui o mesmo fio condutor: o azeite de oliva, o tomate, os temperos. "Simplicidade" e "produto" são a essência de nossa busca, graças aos bons produtores, pequenos fazendeiros e criadores excepcionais que nos propõem os melhores produtos.


Qual foi a sua maior emoção gastronômica?


O encontro com Michel Bras, inicialmente pela sua mãe: ele tinha a inteligência para combinar criações e produtos locais e para conservar a cozinha familiar, especialmente com as especialidades locais, como o aligot.
A outra, foi a cozinha de Pierre Gagnaire, que introduziu no prato a noção de design e de modernidade. Foi assim que descobrimos uma cozinha que amplia as fronteiras e as redefine o que é tabu.



O incidente de cozinha mais divertido que você já presenciou?

Foi numa demonstração de cozinha para as amadoras de alto nível de cozinha do hotel Raffles em Cingapura, ocasião para a qual tínhamos preparado um pombo assado ao molho de cacau. Estávamos os dois fazendo a nossa receita, Laurent cozinhando o pombo, enquanto que Jacques preparava os molhos dos legumes. Nós pedimos a um ajudante de cozinha de ir buscar o molho de cacau que estava na parte de trás da cozinha. Quando ele chegou junto de nós, com a caçarola de molho na mão, ele a deixou escorregar e, com um amplo movimento, nos deixou todos molhados: ficamos cobertos de cacau dos pés à cabeça! Sem falar dos tailleurs das mulheres... Nós começamos a rir loucamente, o que nos obrigou a encurtar a lição de cozinha.



Seu conselho mais importante para os cozinheiros de fim de semana?

Ter o mercado como fonte de inspiração e de criatividade para a sua cozinha. Privilegiar os produtores da sua região. Preservar o gosto da coisas, fazendo uma cozinha legível e de tempos de cozimento dentro do razoável.


Hotel
Data Check-in



Escritório da Central de Reservas (Estados Unidos da América)

1 800 735 2478

Ligando de um outro país? Clique aqui